Organização Pessoal

Procrastinação: um guia de como lidar com a situação sem estresse

Uma lista enorme de coisas para fazer, mas nada sai do papel. Um baú de sonhos para realizar, mas nada acontece e como um passo de mágica parece que só você carrega a procrastinação e todos ao seu redor estão sendo produtivos e vivendo uma vida extraordinária.

Por acaso se identifica com essa realidade?

a procrastinação é uma opção?

Eu sim! Por vários dias me senti assim e sentia raiva por não conseguir fazer o que eu queria fazer, mesmo sabendo que era capaz.

Essa ideia de que a grama do vizinho é mais verde do que a sua é algo inevitavel, mas a verdade é que até o vizinho mais produtivo e menos procrastinador da vida também tem os seus dias de reflexão (como eu gosto de chamar os dias de baixa).

A inveja não é algo confortavel de adimitir, mas paciência, todos já sentimos inveja alguma vez na vida, então ao invés de se remoer nela é preferivel que você coloque para fora e a transforme em inspiração para criar o que você quer colocar no mundo.

Lembre-se: A evolução começa com o reconhecimento do problema.

E até então, eu julgava que o meu problema e a razão por não conseguir realizar os projetos que eu tinha em mente (e algumas vezes no papel) era o simples fato de ser uma procrastinadora. Você também é?

Procrastinar é deixar para depois o que você sabe que deveria fazer agora, é trocar uma tarefa que vai agregar valor a sua vida e ao seu propósito por uma diversão passageira.

Procrastinar é deixar a vida para depois enquanto ficamos horas e horas maratonando na Netflix ou nas redes sociais.

Eu sei, você já entendeu que procrastinar é prejudicial para a vida que você quer ter, mas afinal, como trocar a procrastinação pela produtividade e fazer o que precisa ser feito? 

Para falar bem a verdade, eu não sei, pelo menos não tudo, mas entendi algumas coisas sobre procrastinar que me despertou para a consciência do que nos faz seguir por esse caminho árduo do “depois eu faço” e são elas:

  • Você não é a procrastinação, ela não é uma parte fixa de você como um membro do seu corpo, então você não deve colocá-la em sua vida como algo irreversível e ficar gritando a todo momento para o universo que você é procrastinadora, porque você não é!
  • A procrastinação é um personagem qualquer que vive no seu inconsiente te convidando para relaxar e se divertir ao invés de aconselhar você a fazer qualquer outra atividade. Isso eu aprendi aqui e aqui (onde troquei o macaco pela criança cheia de energia e você pode chamar do que quiser.)
  • Quando se posterga muito para fazer uma tarefa que não é exatamente uma obrigação, como, por exemplo, um conteúdo para o seu blog (eu, no caso), mas sim algo que será benéfico, então é sinal de que você precisa parar e rever a tarefa que está enrolando tanto para fazer para tentar entender a raiz da procrastinação (na maioria das vezes não é só preguiça).
  • O autoconhecimento é um grande aliado contra a procrastinação. Quem se conhece sabe como colocar a criança cheia de energia para dormir, então se dedique em se conhecer de verdade.
  • Atrás de uma procrastinação sempre haverá uma crença que te prende e limita a sua expansão. Quais a suas crenças?

E depois desse baú de inspiração e de informação ter se aberto para mim, eu passei para o grupo de pessoas que ainda deixa uma coisa importante para depois, mas que consegue se recompor da consciência e colocar a criança pra dormir.

Acredite, é possível e com os tópicos a seguir você vai ganhar munição para controlar a criança cheia de energia que vive no seu cérebro. Fique e veja.

A essência da procrastinação 

Se não somos a procrastinação, então por que você deixa as tarefas e os projetos para depois com tanta facilidade? Por que mesmo se tratando de algo bom para a sua vida você não consegue fazer?

Bom, posso te dizer que só o querer fazer algo nem sempre é o suficiente para efetivamente fazer.

Se você já tentou várias técnicas e ferramentas de produtividade, mas nenhuma deu muito certo, isso não quer dizer que você não tem mais jeito e que é uma procrastinadora de carteirinha, na verdade essas tentativas sem sucesso só quer dizer que é hora de você tentar de um jeito diferente e começar pelo básico: por você, então reflita.

  • O hábito, projeto ou tarefa que você precisa/quer fazer faz sentido para você ou é apenas mais uma obrigação do seu ego e da sua necessidade de prova social?
  • Essa questão que você está deixando para depois está alinhado com os seus objetivos de vida?
  • Você tem um planejamento que encaixe a tarefa que você está procrastinando ou ela está totalmente fora?
  • Você tem conseguido administrar o seu tempo de modo que ao longo do dia as redes sociais não sejam prioridade? 

Digamos que essas são questões levemente dolorosas e diretas  que têm o poder de levar você ao começo da sua procrastinação, se for levado a sério e respondido com sinceridade.

Tente de verdade e perceba se o motivo de você estar deixando algo para depois é porque na verdade essa tal coisa não faz sentido nenhum para você ou talvez por que você ainda não saiba o que faz sentido. Pense nisso!

Até aqui, eu só quero que você olhe de fora e reconheça as travas que prende você.

Procrastinando um pouco menos

Não vou listar abaixo um passo a passo de como evitar a procrastinação por total, pois isso eu também não aprendi a fazer ainda, mas vou compartilhar com você algumas pequenas ações que você pode fazer para evitar que a criança cheia de energia tome conta da situação:


Entender o objetivo de fazer a tarefa

Se já é costume empurrar para depois uma atividade, então sugiro que você reveja essa atividade.

Estamos tão acostumados com a autoflagelação que nem nos damos ao trabalho de entender se a procrastinação vêm realmente da procrastinação ou se o deixar para depois, na verdade é uma ação inconsciente de que essa tarefa realmente não é importante.

Então, sempre que estiver arrumando desculpas demais para não fazer algo, procure entender qual o objetivo final e se esse objetivo está relacionado com os seus planos pessoais.

Se a tarefa procrastinada não estiver relacionada ao que você deseja alcançar, então você já sabe a resposta: repense se precisa mesmo fazê-la, mas se a atividade estiver alinhada com o que você quer, então procure encontrar a crença que está fazendo você postergar.

Ter objetivos maiores

tenha foco e dê um fim na procrastinação
Tenha objetivos!

Pegando o gancho da situação anterior, ter um objetivo maior e estar ciente dele e do trabalho diário para alcançá-lo vai ajudar a se impor diante diante da criança que te convida a procrastinar.

Asim, sempre que ela te chamar para relaxar ou se distrair nas redes sociais, você terá fôlego para encará-la e dizer: não! Preciso fazer focar nessa atividade agora!

Começar com o que tem

Essa é crucial e inevitável! É só pintar a ideia de um novo projeto que logo vêm as grandes desculpas e empecilhos criado como um falso suporte para sustentar a procrastinação.

Eu fiz isso por muito tempo, sempre tinha um porém para postergar o lançamento do blog, aqui, no primeiro post eu falo sobre a decisão de começar com o que tem e ir buscando o que precisa durante a caminhada.

Não tem outro caminho para dar um fim ao bloqueio a não ser tomar consciência das suas crenças e das habilidades e recursos que precisa conquistar para aprimorar o que você quer começar, mas isso não deve ser impedimento para dar o play.

Comece e vai reajustando no caminho, essa é a melhor maneira de ir na contramão da procrastinação.

você é perfeita e não procrastinadora!
Você é Perfeita!

Gerenciar as emoções

Sabe aquela velha história que contamos a nós mesmas para justificar o “depois eu faço”? São frases típicas, do tipo:

  • Ah, não estou inspirada agora;
  • Não tenho muito tempo para me dedicar a isso nesse momento;
  • Estou com preguiça agora.

E por aí vai… Emoções sobre emoções não compreendidas e não controlada.

Se tem algo que tenho aprendido nessa jornada de autoconhecimento e de procrastinação é que o bom hábito tem o poder de nos levar a conquistas surpreendentes, assim como a rotina mau planejada e vivida de qualquer jeito tem o poder de nos colocar para escanteio da nossa própria vida.

Crie controle dos feitos no dia

checklist para evitar a procrastinação

Além das listas de tarefas que você já deve ter feito alguma vez na vida como arma contra a procrastinação, eu aconselho você a criar uma lista de feitos no dia.

Eu comecei recentemente e tem sido ótimo para a minha saúde mental e para a avaliação da produtividade do dia.

Ela é simples, mas inspiradora: toda noite antes de dormir, abro meu guarda roupa onde está colado uma folha de caderno com o título de “Feitos do dia” e então coloco a data e dia da semana e sigo com a lista de coisas que fiz durante o dia.

Não coloco coisas comum de obrigação, do tipo “ir ao trabalho”, mas sim tarefas que vão me levar ao meu objetivo.

Ao final da semana consigo ver o quanto fui produtiva, o quanto fiz para ficar mais próxima dos meus sonhos e o quanto sou capaz de fazer um pouquinho mais por dia.

Concluindo

Todos temos sonhos a realizar, projetos que queremos tocar e listas enormes de coisas para fazer, mas o querer nem sempre é suficiente para fazer com que a gente saia da rede social e parta para a ação.

Procrastinar não é um ato que deve determinar as suas conquistas e a sua vida. Procrastinar deve ser um ato a ser analisado e trabalhado.

Lembre-se: antes de cortar o mal pela raiz é preciso identificar onde começa e onde termina a raiz para então ter o poder de ação.

Com a procrastinação é a mesma coisa: você precisa compreender a sua causa para depois conseguir dominá-la e viver com ela da melhor maneira possível.

Se você já tentou outras formas de evitar a procrastinação, mas ainda não está satisfeita com os resultados, então não deixe de pensar nos pontos citados aqui para avaliar a maneira que você tem lidado com a criança cheia de energia que vive querendo relaxar.

Também te convido a curtir as redes sociais para acompanhar as sementes para você se florescer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Compartilhe & Floresça!

Compartilhar
Pin
Twittar
Compartilhar